Fotografar é segurar o tempo

Tenho me realizado muito fotografando o projeto “Amor de irmão”, e o último ensaio que fiz foi ainda mais especial. Tive o prazer de fotografar duas irmãs que vi nascer e cresci junto com elas. Apesar de ser mais velha alguns anos sempre brincamos juntas.

Fomos visinhas durante anos em São Paulo e hoje somos visinhas de casa de praia. Praia por sinal é a paixão dessas duas, o surf uma filosofia de vida e o que as mantém ainda mais unidas. Confesso que tenho esta família como exemplo. As meninas praticam este esporte desde de pequenas, os pais estão sempre presentes. Realmente uma família que transparece amor.

O ensaio, não poderia ser diferente, foi na praia em clima de SURF. Mas o mais legal dessa história toda é que elas foram minhas modelos no meu primeiro ano de faculdade de fotografia, e após uns 14 anos  aqui estão elas de novo.

Não reparem a montagem, mas quis reproduzir durante nosso ensaio uma foto que fiz na época da faculdade. Não tinha a foto antiga na memória, a ideia me veio na hora, mas acho que dá para ilustrar o tempo.

Abaixo além desta foto deixo também uma das minhas fotos preferidas deste ensaio que estará disponível lá na página do facebook.

Marília e Renata vocês são umas queridas, e estão para sempre no meu coração. Continuaremos juntas!

“Fotografar é congelar o momento, é travar um instante, é segurar o tempo, é tornar tudo importante, cada detalhe se mostra, cada cor se revela, nada se deixa passar, nada é irrelevante. É observar o segundo pela forma mais bela, é ter nas mãos o tempo. Tão fascinante quanto o poder é poder fotografar… “

marilia e Renata-1b        marilia e Renata-2 copy

camendonca_Marilia e Renata_030314_153B